Tags

, , ,

Minha garganta sempre foi problemática. Vira e mexe ela infecciona e lá vou eu sofrer com tosse, dor, garganta seca e, bem no finalzinho, rouquidão. Sempre foi assim e eu já não me preocupo em ir ao médico quando os sintomas aparecem. Há de ter paciência, porque passa rápido. Mas este fim de semana foi a primeira vez que tive dor de garganta durante a gravidez. E o sofrimento foi em dobro…

Diferente das outras infecções na garganta que tive, desta vez não pude tomar aqueles xaropinhos, que apesar de não fazerem grande efeito contra a infecção, pelo menos aliviam o incômodo. Grávida deve evitar qualquer tipo de medicamento, a não ser que ele seja indicado pelo médico. Isso porque o bebê é realmente muito delicado, e pouco se sabe quais são os efeitos colaterais que os remédios podem causar na criança, já que não se pode fazer testes com grávidas (ainda bem, né?). Por isso, os médicos só receitam remédios em último caso, quando o estado de saúde da mãe justifica o possível risco para o bebê.

Se você é grávida e, como eu, está sofrendo com dor de garganta, aguente as pontas, colega. É o melhor que você pode fazer no momento. Alguns remedinhos caseiros podem ajudar. Coloco aqui alguns que tenho usado estes dias.

Gargarejo com água morna e sal
Esta receitinha é do meu querido pai, que só toma e indica remédio em caso de vida ou morte. Faça gargarejo de 3 a 5 vezes ao dia com meio copo de água morna e uma colherzinha de sal. Há quem coloque um pouquinho de limão (eu nunca tentei). Além de acalmar a garganta, a mantém limpa.

Spray de menta
Esta foi uma descoberta recente. Sabe aqueles sprays de menta para refrescar o hálito? Usei esses dias e percebi um alívio instantâneo. Acalma a tosse e ajuda a expectorar. Já os sprays de própolis eu não gosto.

Quentão (sem pinga, olhe lá)
Antes da gravidez, era com pinga mesmo. Hihi. Eu AMO! Agora, há de se evitar o álcool. Mas o efeito do gengibre (que é ótimo para a garganta), com aquela água açucarada bem quente é tiro e queda para a garganta.

Outros conselhinhos que eu costumo seguir
Aqueles básicos, mas vamos recordar. Esqueça sorvete e sucos muito gelados. Apesar de fruta ser totalmente indicado nesta fase por conter vitaminas essenciais, não exagere nas muito ácidas, como laranja e abacaxi. Além disso, não force muito sua voz e fuja de ar condicionado e ventilador.